Tag Archives: Festival Fora do Eixo

Festival Fora do Eixo em Nova Friburgo

3 dez

No dia 14 de dezembro (sexta-feira), o Festival Fora do Eixo Rio de Janeiro sobe a serra até Nova Friburgo. Nessa noite, o Palco Serra Elétrica recebe o show da banda Autoramas, que lança o álbum “Música Crocante”, gravado com recursos arrecadados em uma campanha de crowdfunding. Também se apresenta a banda Folks, formada por remanescentes do underground carioca influenciados pelos sons que marcaram suas experiências de estrada ao longo dos anos. A banda O Vazio, que está atualmente gravando seu novo álbum, “Quem tá no rock é pra isso”, fecha a noite com seu um rock enérgico, criativo, irreverente e autêntico. Fechando a noite, a banda local Hell Oh traz seu de indie rock com influências do alternativo pós 2000 e de bandas de rock dos anos 60.

BANDAS

IMG_6186

Formada por Gabriel Thomaz (guitarra e vocais), Flávia Couri (baixo e voz) e Bacalhau (bateria), a Autoramas faz um som batizado em português como “Rock para Dançar”, uma mistura da surf music dos anos 60 com a new wave dos anos 80, mais influências de rockabilly, Jovem Guarda e a energia do punk rock, com guitarras com timbres marcantes, baixo distorcido e batidas dançantes.De 1997 pra cá já fez turnê pela Europa, lançou CD e DVD via MTV em sua versão acústica e nesse ano usou de um sistema de financiamento coletivo para angariar fundos e finalizar as gravações de seu novo álbum de estúdio, Música Crocante, que reflete uma nova e produtiva fase de amadurecimento musical do grupo e vem recebendo ótima aceitação pela crítica especializada, figurando entre os dez melhores discos nacionais de 2012 pela Revista Rolling Stone Brasil e pelo site Rock Press, além de ter sido eleito o melhor disco do ano pelo site Rock em Geral.

folks2

A Folks é formada por remanescentes do cenário underground carioca e com uma década de experiência nas costas, os integrantes Kauan Calazans (Voz), Caio Wes (Baixo), Paulinho (Guitarra/Voz), Sergio Sessim (Guitarra) e PV (Bateria/Voz) resolveram se unir para criar uma nova banda, com identidade única e sincera, onde as influências são os sons que marcaram as suas vidas e suas experiências de estrada ao longo desses anos. Produzido por Felipe Rodarte, no conceituado estúdio Toca do Bandido no Rio de Janeiro, a banda apresenta as músicas de seu primeiro álbum com um show impactante, dinâmico, cheio de atitude fazendo o bom e velho rock n’ roll!

o vazio foto

Atualmente em fase de gravação de seu novo álbum “Quem tá no rock é pra isso”, com lançamento previsto para o segundo semestre de 2012, conta com Erick Eler na guitarra, Bruno Eller no baixo, Victor Nogueira nos Teclados e Yann Stanízio na bateria que acompanham o  cantor João “O Vazio” na execução de um rock enérgico, criativo, irreverente e autêntico, de modo que tornou-se a principal referência de banda independente com trabalho autoral em Nova Friburgo.

177312_338263896272859_1827580296_o

A Hell Oh é uma banda de indie rock de Nova Friburgo com influências do alternativo pós 2000 e de bandas de rock dos anos 60, formada por Marcus Vinicius (Bruce) – Guitarra; Marco Tulio – Bateria; Maycon – Baixo; Raphael – Vocal e Guitarra. No momento, a banda está gravando no Estúdio Superfuzz seu primeiro EP, que será lançado no Festival Fora do Eixo.

O FESTIVAL

Entre 12 e 16 de dezembro, o Rio de Janeiro recebe a terceira edição do Festival Fora do Eixo, realizado pelo Circuito Fora do Eixo e pelo coletivo carioca Ponte Plural. A edição de 2012 apresenta bandas em destaque na nova cena musical brasileira em três cidades do estado: Rio de Janeiro, Niterói e Nova Friburgo. Em 2010, o Festival Fora do Eixo foi considerado pelo jornal O Globo, o “maior evento do indie nacional a acontecer no Rio em muito tempo”. Em 2011, o evento foi contemplado pelo primeiro Edital de Fomento a Festivais da Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro e, nesse ano, o Festival integra o cronograma do projeto Conexão Vivo para realizar sua maior edição.

Acompanhe toda a programação!

Palco Serra Elétrica

Shows: Autoramas, Folks, O Vazio e Hell Oh!

Data: 14/12/2012

Local: Caledônia 746

Endereço: Rua Joaquim José Silva n. 746, Caledônia, Nova Friburgo

Horário: 22h

Preço: R$10 (meia-entrada ou com 1kg de alimento) e R$20

Anúncios

Lançamento do Festival Fora do Eixo no Studio RJ

3 dez

A festa de abertura do Festival Fora do Eixo Rio de Janeiro será no Studio RJ, no dia 12 de dezembro (quarta-feira), em uma edição especial do evento “Cedo e Sentado Fora do Eixo”, que tem entrada franca. Nesta noite, o palco Cedo e Sentado recebe o lançamento dos discos de duas bandas formadas por dream teams da nova geração musical: Me and The Plant e Fábrica.

BANDAS

VITOR PATALANO_ME AND THE PLANT

Produtor musical graduado na London School of Sound, o carioca radicado em São Paulo há mais de dez anos Vitor Patalano, ou “a planta”, está à frente do projeto  Me and The Plant que lança seu álbum de estreia “The Romantic Journeys of the Pollen” com co-produção, guitarras, efeitos e e sintetizadores de Alexandre Kassin (produziu álbuns de Caetano Veloso e Los Hermanos); bateria de Rodrigo Barba (Los Hermanos), baixo de Gabriel Bubu (Do Amor) e teclados e slide guitar de Marcos Lobato (O Rappa). O disco, que traz treze faixas em inglês, contou com a mixagem do técnico de som e produtor norte-americano Roy Cecala, homem de confiança de artistas como Frank Sinatra, John Lennon, Patti Smith, Yoko Ono, Madonna, Aerosmith e Sting.

DIVULGAÇÃO 1

Formada por membros oriundos de outras bandas do cenário underground carioca, Fábrica é o projeto de Emygdio (Sobre a Máquina) que junto aos amigos Ricardo Gameiro (Sobre a Máquina, Cícero), Lucas Alves (Stereomob) e Gabriel Feitosa (Stereomob) lançou disco homônimo de forma independente em 2012, com produção de Igor Ferreira (trabalhos com Orquestra Imperial, Ronei Jorge e os Ladrões de Bicicleta entre outros) e Emygdio. Com poética vinda do que houve de melhor na última década, o quarteto flerta com a nova e velha mpb, passando pelo indie rock, sempre adicionando a influência que cada membro traz de sua respectiva trajetória. Escolhida como primeiro single, a faixa “Melhor que eu” ganhou clipe filmado no antigo formado VHS, gravado na mesma sala onde boa parte do disco foi registrado.

O FESTIVAL

Entre 12 e 16 de dezembro, o Rio de Janeiro recebe a terceira edição do Festival Fora do Eixo, realizado pelo Circuito Fora do Eixo e pelo coletivo carioca Ponte Plural. A edição de 2012 apresenta bandas em destaque na nova cena musical brasileira em três cidades do estado: Rio de Janeiro, Niterói e Nova Friburgo. Em 2010, o Festival Fora do Eixo foi considerado pelo jornal O Globo, o “maior evento do indie nacional a acontecer no Rio em muito tempo”. Em 2011, o evento foi contemplado pelo primeiro Edital de Fomento a Festivais da Secretaria de Cultura do Estado do Rio de Janeiro e, nesse ano, o Festival integra o cronograma do projeto Conexão Vivo para realizar sua maior edição. Acompanhe toda a programação!

Palco Cedo e Sentado

Shows: Me and The Plant e Fábrica
Data: 12/12/2012
Local: Studio RJ
Endereço: Av. Vieira Souto n. 100, Ipanema, Rio de Janeiro
Horário: 20:30h

Preço: Quanto Vale o Show? A entrada no Cedo e Sentado Fora do Eixo é gratuita e na saída o público pode contribuir com R$0, R$5, R$10 ou R$15. O total arrecadado é distribuído entre os artistas, ajudando a potencializar o cenário e a carreira das bandas.

Atualize-se e confira a programação completa do Festival.

14 dez

Os dias de IV Congresso Fora do Eixo as dinâmicas estão mais intensivas e práticas, a sede de conhecimentos e inicia logo nas primeiras horas da manhã, na Cidade Universitária. Dando do continuidade as Conversas Infinitas, os grupos de discussão fomentam cada vez mais o compartilhamento de ideia. As reuniões seguem os mesmos moldes, em formato de círculos espalhados por todo o complexo do Paço das Artes, as pautas são diversas como os encontros da Abrafin – Associação Brasileira de Festivais Independentes; Rádio livre e web-rádio, Produção e sonorização musical; Descolarização; Seminários da Música, que debate a circulação, distribuição, e a comercialização da cultura musical na atualidade dentro da proposta de horizontalidade como auto-gestão, e bandas cada vez mais independentes que é o circuito cultural Fora do Eixo.

O Festival Fora do Eixo também segue intenso, o #CedoeSentado, festa que acontece as terças-feiras no StudioSP Augusta em parceria com a Casa Fora do Eixo, foi anfitriã da segunda noite de Festival. A noite iniciou por volta das 22h com as atrações Cérebro Eletrônico (SP), apresentando seu disco “Deus e o Diabo no Liquidificador” consolidando o seu estilo de rock alternativo com referências tropicalistas, já na linha do rock britanico a Pública (RS) deu um show de estilo e originalidade. A festa lotou a casa de congressistas que esquentaram a pista de dança ao som do Dj Barata e sua mistura de ritmos, priorizando o funk e o soul, uma quimica perfeita. O encerramento ficou por conta do powertrio Macaco Bong (MS) que além das quase duas horas de sonzeira e quatro músicas inéditas do próximo album, contou com um show a parte de Bruno Kayapy e sua guitarrada elétrica.
Na quarta a festa desta vez é no bar Grazie a Dio, nas próximidades de Vila Madalena, seguindo com a idéia da Não-Grade o Festival Fora do Eixo, acontece em oito lugares diferente de São Paulo. A festa recebeu diversos convidados e a diversão ficou por conta de bandas de peso para agitar mais a noite de festival: Zinho Trindade, Mc da Capital Paulista, conhecido pela sua grande facilidade em improvisação, acompanhado de sua banda, “O Legado de Solano” seguindo uma linha contemporânea com a tradição da musica regional e da cultura popular dita de raiz e folclórica. Dj Haru e seu som contagiante animou as pista nos intervalos entre as bandas LoUngetude46, Vaudeville (RS), e a banda marcada pelo ecletismo sonoro, Casa di Caboclo.

A programação do festival segue durante a semana, com bandas independentes e djs criando um ambiente animado e descontraído para receber os participantes do IV Congresso Fora do Eixo.

Serviço:

15/12 – Quinta-feira
Espaço Urucum – 23h
Rua Cardeal Arcoverde, 1598 – Vila Madalena
Atrações: Semente de Vulcão (PE),Linha Dura (MT), DJ Mok (SP).
Entrada Gratuita

16/12 – Sexta-feira
Paço das Artes – 21h
Av. Universidade, 1 – USP
Atrações: Vandaluz (MG), Bandinha di da dó (RS), Liss (SC), DJ Big Bross (BA).
Entrada Gratuita

17/12 – Sábado
Centro Cultural Rio Verde – 23h
Rua Belmiro Braga, 119 – Pinheiros
Atrações: Vitor Santana + Marcos Suzano, Vitoriano (CE), Vejaluz (SP), Discotecagem Radiofônica Independência ou Marte (SP).
Entrada Gratuita

18/12 – Domingo
Casa Fora do Eixo São Paulo – 13h
Rua Scuvero, 282 – Liberdade
Atrações: Projota (SP), Aeromoças e Tenistas Russas (SP), My Midi Valentine (AL), Ambulantes (SP), Bicicletas de Atalaia (SP), Visitantes (SP), Hazamat (PB), DJ Niggas (SP).
Entrada com nome na lista: contato@foradoeixo.org.br

Debate sobre Economia Criativa abre o Festival FdE SP

22 jun

Durante o Festival Fora do Eixo SP – Etapa Palco, serão realizadas várias atividades dentro da Casa Fora do Eixo SP. Uma delas é a Mesa de Abertura, que acontece no dia 23 de junho, às 15 horas e vai abordar o tema “O papel da auto-gestão de redes colaborativas no desenvolvimento local”. O debate discute a importância da Economia Criativa e suas potencias e benefícios quando trabalhada pelas redes e coletivos artísticos. Farão parte da mesa a mestre em Arte Visuais e coordenadora nacional do Palco Fora do Eixo, Cláudia Schulz, o coordenador nacional do Circuito Fora do Eixo, Pablo Capilé e a criadora da Gesta Cultura, Ana Paula Galvão, que será a mediadora do debate.

Serviço
Mesa de abertura – O papel da auto-gestão de redes colaborativas no desenvolvimento local
Painelistas – Cláudia Schulz e Pablo Capilé
Mediação – Ana Paula Galvão
Data: 23/06/2011
Horário: 17h
Local: Casa Fora do Eixo SP – Rua Scuvero, 282, Liberdade
Entrada: Gratuita

Coletivo CÊ apresenta espetáculo Desterro no Festival FdE SP

22 jun

Vem aí Festival Fora do Eixo Goiânia!

21 jun